A Alimentação a partir dos 6 meses

A alimentação a partir dos 6 meses deve introduzir as proteínas de alto valor biológico: carnes de aves (frango, peru, avestruz), vitela, borrego ou de coelho numa quantidade de 10-15g que é adicionada á sopa. Gradualmente pode-se aumentar a quantidade até 25-30g por dia de carne isenta de gordura, numa refeição ou dividida em duas – almoço e jantar.

Também nessa idade pode introduzir as farinhas com glúten (aveia, centeio, espelta, cevada), e fazer a papa caseira em vez de comprar papas industrializadas.

Os frutos apesar de ricos em vitaminas, minerais e fibra, não deverão ainda constituir uma só refeição, são são boas opções como sobremesa ou adicionar ao iogurte num lanche. Os primeiros frutos a serem utilizados são a maçã e a pera (cozida, assada ou em puré e com casca) e a banana na forma de puré.

A partir dos 7 meses a dose recomendada de carne que se adicionava á sopa poderá ser colocada num outro recipiente e misturada com uma açorda (caldo com pão de centeio ou integral ou de cereais sem ovo).

Os frutos tropicais (papaia, manga ou pera-abacate) poderão ser uma boa opção de sobremesa. De modo a estimular o paladar, os frutos devem ser fornecidos, individualmente em puré ou inteiros, evitando os sumos.

Deixe uma resposta